6 Vantagens da Distribuição digital de Músicas

A internet, da forma como conhecemos hoje, é uma ferramenta muito nova – possui menos de 25 anos – que permite a todos os usuários o acesso a informações e conteúdos dos mais variados gêneros, e dentre eles, a música. 

Há cerca de 30 anos atrás, qualquer músico que pretendesse fazer a distribuição de músicas e levar sua arte ao público, certamente, dependeria de uma gravadora ou de um investimento próprio muito alto, ou ainda de um padrinho famoso que o ajudasse a ser conhecido. Atualmente, com os recursos da internet, essa distribuição passou a ser digital, se tornando acessível a todos os artistas. 

O principal objetivo da distribuição digital é levar sua música para plataformas e lojas de música digital. Uma vez que o artista possui músicas nessas plataformas, as pessoas podem reproduzir, fazer download e comprar. A partir disso, o artista poderá ser remunerado, dependendo de como e onde sua música foi ouvida. Essa nova dinâmica de divulgação proposta pela distribuição digital trouxe diversas vantagens. Vamos destacar as 6 mais relevantes.

6 Vantagens da Distribuição digital de Músicas

  1. Preço: Muitos artistas devem se perguntar: quanto custa para fazer a distribuição digital de músicas? A resposta a esta pergunta varia de acordo com o objetivo de cada músico e com a distribuidora que ficará responsável pela distribuição nas plataformas. A Discmídia oferece esses serviços por um preço muito acessível.
  2. Plataformas: Para tomar uma decisão de qual empresa deve escolher para distribuir seu álbum, o artista deverá avaliar os serviços adicionais que este distribuidor digital oferece, as taxas e em quais plataformas sua obra. Ela ficará disponível nas principais plataformas de streaming e download, como Spotify, Deezer, iTunes, Google Play, etc., além de outras dezenas.
  3. Renda: Mesmo que o lançamento físico ainda não tenha sido feito, o artista poderá utilizar deste serviço para agregar mais público para o seu trabalho, agendando uma data  específica e realizando um lançamento digital. Além disso, as músicas postadas vão gerar renda, que será aumentada proporcionalmente ao aumento de visualizações do público.  
  4. Alcance: Há cerca de 30 anos atrás, quando existia apenas a distribuição física, o alcance do público era praticamente local. Já com a distribuição digital de músicas, este alcance aumenta infinitamente, considerando a amplitude e a facilidade de acesso proporcionados pela internet.
  5. Divulgação: Para os músicos a divulgação do trabalho é essencial, pois é através dela que mais pessoas poderão conhecer suas obras. Quando o músico faz um bom trabalho de divulgação, em conjunto com as plataformas streaming, o resultado tende a ser crescente e, sem dúvidas, o engajamento do público também. Uma ferramenta bastante utilizada é o Songkick, uma plataforma universal de divulgação de shows. Com ela o músico sincroniza as datas de forma automática com a sua página de artista no Spotify.
  6. Armazenamento: A tecnologia está cada vez mais voltada a facilitar a vida dos usuários. Nas plataformas de distribuição de músicas, o público não tem mais a necessidade de baixá-las e armazená-las no dispositivo para ouvir. Atualmente, ele só precisa estar conectado à internet para ter acesso a todas as músicas de sua preferência. 

Quer fazer a distribuição digital de suas músicas? Peça agora o seu orçamento com a Discmídia e confira as nossas promoções!!!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *